Produção de Piratas do Caribe nega que Johnny Depp tenha abandonado filmagens

Jornal australiano divulgou que ator teria voltado para os Estados Unidos. Quinto longa da franquia está sendo rodado na Austrália

por AFP - Agence France-Presse 21/05/2015 11:01

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.

Disney/Buena Vista/Divulgação
Johnny Depp como o pirata Jack Sparrow em cena de 'Piratas do Caribe' (foto: Disney/Buena Vista/Divulgação)
A produtora do novo filme da série Piratas do Caribe, que está sendo rodado na Austrália, negou nesta quinta-feira a informação divulgada pela imprensa de que o ator Johnny Depp teria abandonado o set para retornar aos Estados Unidos por problemas conjugais.

 

O astro de Hollywood, que interpreta o capitão Jack Sparrow, roda o quinto filme da série, 'Dead Men Tell No Tales' (Os Mortos não Contam Histórias), na turística cidade de Gold Coast (leste da Austrália).

O jornal australiano Gold Coast Bulletin informou que o ator abandonou o set na quarta-feira à noite. "Depp retornou aos Estados Unidos no primeiro voo privado disponível", afirmou o jornal, que citou uma fonte da produção, para ficar ao lado da esposa Amber Heard.

O jornal afirma que Johnny Depp e Amber Heard, casados há três meses, brigam sem parar. Sites americanos revelaram que a jovem foi convidada a abandonar as filmagens para não perturbar os trabalhos. Michael Singer, agente da produtora do longa-metragem, negou de maneira veemente as informações. "Não posso divulgar nossas previsões de filmagens ou as idas e vindas de uns outros, mas posso dizer que nada do que aparece neste artigo tem relação com a verdade", declarou ao Sydney Morning Herald.

Amber Heard teria retornado aos Estados Unidos com os cães do casal, que estavam sob a ameaça de sacrifício por terem sido introduzidos de forma ilegal na Austrália. Se o abandono for confirmado, este seria mais um contratempo para a superprodução da Disney, depois que Depp sofreu um ferimento em uma das mãos e viajou aos Estados Unidos em março para o tratamento.

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE CINEMA