Documentário 'O mercado de notícias' é atração do Canal Brasil

Produção reúne depoimentos de 13 jornalistas sobre a profissão e os dilemas de hoje. Filme será exibido nesta segunda, às 21h

por Correio Braziliense 17/11/2014 10:58

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
Jorge Furtado/Divulgação
A obra arregimenta testemunhos de jornalistas do quilate de Bob Fernandes, Mino Carta, Paulo Moreira Leite e Luis Nassif (foto: Jorge Furtado/Divulgação)
Na era da informação despejada infinitamente na internet e dos debates acalorados nas redes sociais sobre o papel da mídia, o cineasta Jorge Furtado recua séculos no tempo para analisar a origem e os conflitos atuais do ofício jornalístico. Ele parte da reencenação de uma peça inglesa de 1626, de Ben Jonson ('The staple of news'), marcada pela crítica ao recém-surgido jornalismo, para intercalar depoimentos de 13 profissionais de hoje sobre a profissão em 'O mercado de notícias' - exibido pelo Canal Brasil nesta segunda-feira, às 21h, com reprise no dia 23, às 12h30. O filme venceu o prêmio do júri popular e de melhor documentário do Cine PE de 2014.

A obra arregimenta testemunhos de jornalistas do quilate de Bob Fernandes, Mino Carta, Paulo Moreira Leite, Luis Nassif, entre outros, garimpados pela vasta experiência nas redações por onde passaram. Questões cruciais no campo da ética e da utilidade dos veículos de informação, como a interferência do poder econômico na publicação das notícias e a fronteira com o entretenimento, permeiam os relatos. A diversidade de pontos de vista se impõe até mesmo pela linha editorial das empresas ou sites onde os entrevistados atuam.

O mercado de notícias transborda para a internet com versões online estendidas das entrevistas veiculadas no documentário. Na página de promoção do filme, os produtores criaram um ambiente propício para ampliar a reflexão sobre o jornalismo, com referências bibliográficas, comentários do diretor, casos reais e galeria de fotos.

Assista ao trailer do documentário:


VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE CINEMA