Eternizado como Maverick: relembre a carreira de James Garner, morto aos 86 anos

Ator norte-americano consagrou-se no gênero de faroeste antes de tornar-se um artista versado em diversos estilos tanto no cinema quanto na TV

por Bossuet Alvim 20/07/2014 14:08

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.

ABC/Divulgação
James Garner como Bret Maverick, papel que o alçou ao estrelato entre 1957 e 1960 (foto: ABC/Divulgação)
Descrito pela revista norte-americana People como "um dos atores mais queridos do cinema de Hollywood", James Garner dedicou 59 de seus 86 anos à arte da interpretação. Consagrado como estrela do seriado 'Maverick', o ator morto neste domingo, 19, deixa um legado extenso, que vai muito além do protagonista de faroeste que o alçou ao estrelato ao fim dos anos 1950. 

 

James Scott Bumgarner nasceu em Norman, Oklahoma, deixou a escola e entrou para a Marinha Mercante no final da II Guerra Mundial. Ferido por duas vezes em operações militares durante a Guerra da Coreia, foi dispensado e retornou aos EUA.

 

Seu primeiro papel foi de personagem sem falas em uma montagem na Broadway, em Nova York, em 1954. Atuou em comerciais de TV e, consequentemente, em produções da telinha pelos anos seguintes, até conquistar o papel de Bret Maverick na trama sobre cowboys que esteve no ar entre 1957 e 1960.

 

Apesar de ter cravado seu nome na história da TV americana, Garner também arriscou-se em papeis importantes no cinema, como em 'Fugindo do inferno' (1963), quando atuou com Steve McQueen, e 'Eu, ela e a outra' (1963), quando dividiu a tela com Doris Day. Voltou a encarnar um protagonista de série em 'Nichols', exibida entre 1971 e 1972, em atuação que lhe rendeu um Emmy. Em 1982, integrou o elenco principal de 'Victor ou Victoria', musical que tornou-se marco da cultura gay naquela década.  

 

Já como um veterano das telas grandes e pequenas, James retornou à TV como um avô bonachão na série de comédia '8 simple rules for dating my teenage daughter', entre 2003 e 2005. Suas últimas aparições nas telonas aconteceram em papeis menores nos dramas românticos 'Diário de uma paixão' (2004) e 'O presente' (2005). Recentemente, Garner atuava como dublador, tendo emprestado sua voz ao super-herói Shazam em três curtas da DC, até 2010.

Disney-ABC/Divulgação
Entre 2003 e 2005, Garner viveu um avô carismático na série de comédia '8 simple rules' (foto: Disney-ABC/Divulgação)
 



VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE CINEMA