Jennifer Lawrence fecha 2013 em alta com continuação de 'Jogos vorazes'

Atriz volta a interpretar Katniss Everdeen em 'Jogos vorazes: Em chamas', que chega aos cinemas no dia 15 de novembro

por Agência Estado 11/11/2013 11:33

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
Divulgação / Lionsgate
(foto: Divulgação / Lionsgate)
Jennifer Lawrence não pode reclamar de 2013. Em fevereiro, tornou-se uma das mais jovens vencedoras do Oscar de melhor atriz por sua interpretação em 'O lado bom da vida', de David O. Russell. E, na próxima sexta-feira, 15, no Brasil, volta à pele da adolescente Katniss Everdeen em 'Jogos vorazes: Em chamas'. O primeiro filme baseado na série de livros de Suzanne Collins rendeu US$ 691,2 milhões no mundo inteiro. As previsões para o segundo chegam a US$ 950 milhões nas bilheterias.

Jogos Vorazes passa-se em um mundo pós-apocalíptico dividido em 12 distritos. No evento que dá nome à série, um menino e uma menina de cada local devem lutar uns contra os outros pela sobrevivência em provas mortais. No primeiro filme, dirigido por Gary Ross, lançado em março do ano passado, Katniss desafiou o poder da Capital de Panem, que controla com mãos de ferro os 12 distritos onde mora a maior parte da população, ameaçando se matar se tivesse de assassinar o amigo-namorado, Peeta Mellark (Josh Hutcherson). O presidente Snow (Donald Sutherland) não ficou nada feliz com a atitude rebelde, e Katniss vê as consequências em Jogos Vorazes - Em Chamas, dirigido por Francis Lawrence: devido a uma mudança nas regras, Katniss, que sofre de estresse pós-traumático, é obrigada a voltar à arena num torneio de campeões, enquanto o povo se rebela nos distritos.

Foi preciso, portanto, pouco mais de um ano para que a atriz de 23, nascida em Louisville, Kentucky, se tornasse uma das maiores estrelas do cinema. Mas, apesar do Oscar, da fama e do reconhecimento, Jennifer continua dando entrevistas surpreendentes e bem-humoradas.

Ela disse à reportagem que adorou rever os colegas nesta segunda etapa do filme e que o diretor Francis Lawrence é diferente de Gary Ross, muito calmo. Sobre sua vida pessoal, afirma que prefere não comentar nada e que, se insistem muito, entra no carro e costuma mostrar o dedo do meio. Mas as pessoas não percebem, afirma ela, pois o vidro é muito escuro.

Assista ao trailer de 'Jogos vorazes: Em chamas':
 
 

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE CINEMA