Assange classifica de 'grande soneca geriátrica' filme sobre WikiLeaks

Declaração foi enviada em carta ai ator Benedict Cumberbatch, que interpreta Assange em 'The Fifth Estate'

por AFP - Agence France-Presse 10/10/2013 09:01

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
Divulgação
(foto: Divulgação)
O fundador do WikiLeaks, Julian Assange, voltou a criticar o filme sobre o site que publicou milhares de documentos diplomáticos dos Estados Unidos, chamando-o de "grande soneca geriátrica", em uma carta dirigida ao seu protagonista divulgada nesta quinta-feira.

Em um comentário que acompanhou a difusão desta carta dirigida ao ator que interpreta seu personagem, Benedict Cumberbatch, Assange sustentou que "o resultado é uma grande soneca geriátrica que só pode ser apreciada pelo governo americano".

Não se sabe se Assange viu finalizado o filme 'The Fifth Estate', que foi apresentado em setembro no Festival de Toronto.

"Acredito que você é uma boa pessoa, mas não creio que se trate de um bom filme", escreveu o australiano em uma carta enviada em janeiro, mas que não havia tornado pública até agora.

O britânico Cumberbatch pediu que Julian Assange se reunisse com ele, mas este último, refugiado na embaixada do Equador em Londres desde junho de 2012, negou-se a isso.

Um encontro deste tipo "pode parecer legitimar um filme que pretende enganar o público com múltiplas inexatidões", explicou Assange.

"Este filme enterrará pessoas honestas que fazem um trabalho honesto, justo num momento no qual o peso do Estado está caindo sobre elas. Afogará a verdade sobre os acontecimentos num momento em que a verdade é essencial", acrescentou.

'The Fifth Estate', dirigido por Bill Condon, estreará na próxima semana nos Estados Unidos; é realizado a partir de dois livros, um escrito pelo ex-porta-voz do site, o alemão Daniel Domscheit-Berg, e o outro por dois jornalistas britânicos, David Leigh e Luke Harding.

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE CINEMA