Projeto 'Cinema no rio' chega a comunidades ribeirinhas do São Francisco

Desta vez, 13 municípios mineiros receberão as telas infláveis, com programação ao ar livre que vai até o dia 12

01/09/2013 00:13

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
André Fossati/divulgação
Projeto leva filmes para comunidades ribeirinhas de Minas (foto: André Fossati/divulgação)
Comunidades ribeirinhas do São Francisco recebem o projeto Cinema no rio. Telas infláveis são “estrelas” das salas de exibição ao ar livre, onde o público pode conferir destaques da nova safra nacional, como os filmes Girimunho, dos diretores Helvécio Marins e Clarissa Campolina, o divertido documentário musical Vou rifar meu coração, de Ana Rieper, e o infantojuvenil Eu e meu guarda-chuva, de Toni Vanzolini.

A programação destaca também atrações locais e oficinas lúdicas voltadas para a criançada. Nesta domingo, a tela será montada em Barra do Pacuí. Terça-feira, será a vez de moradores de Cachoeira do Manteiga irem ao cinema. O projeto chega a Ponto Chique na quarta-feira e a São Romão na quinta. Sexta, será a vez de São Francisco. Januária é a próxima contemplada, no domingo.

Desta vez, 13 municípios mineiros receberão as telas infláveis. Iniciado há oito anos, o projeto já atingiu 200 mil espectadores. A programação será encerrada no dia 12, em Manga.

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE CINEMA