Super-Homem chega às telas sem o famoso calção vermelho, disposto a encarar novidades do século 21

O herói intocável ressurge menos certinho, mas ainda pronto para salvar o mundo

por Carolina Braga 08/07/2013 06:00

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.

Espaço Z/divulgação
O ator britânico Henry Cavill é o astro de 'O homem de aço', filme dirigido por Zack Snyder (foto: Espaço Z/divulgação)
Primeiro, o clima foi de suspense. Depois, a curiosa polêmica ganhou a cena: onde já se viu repaginar o visual do Super-Homem a ponto de eliminar o toque vermelho que o calção conferia ao figurino de guerra de Clark Kent? Diante disso, o que esperar da volta do herói – com outro uniforme – às telas?

 

Veja fotos do filme

 

Confira salas e horários de exibição

 

Pois a mudança não é só de estilo. Novidade é a palavra de ordem na vida de Clark Kent. As inovações personificadas pelo ator Henry Cavill em 'O homem de aço', que estreia sexta-feira nas salas brasileiras, só complementam o cardápio de transformações do herói nos últimos 75 anos – da telona aos quadrinhos, passando pela TV e games.

DIRETO DE KRYPTON
Criado por Joe Shuster e Jerry Single para o primeiro número da revista 'Action comics', publicado em 1938, o Super-Homem de 2013 não só perdeu o calção vermelho como ganhou roupa em tom azul-escuro com textura de escamas, além de escudo modernizado. A maneira como Clark se reconhece herói também foge ao padrão: questões psicológicas ganharam relevo, mas sem ofuscar as famosas cenas de voo e de batalha.

Falar de Super-Homem é sempre assunto melindroso diante da legião de seguidores de Clark Kent. Já circulam na rede comentários raivosos sobre as escolhas do cineasta Zack Snyder (diretor de '300' e de 'Watchmen – O filme') para 'O homem de aço'. Chega a impressionar a multidão de fãs saudosos de Christopher Reeve (1952 – 2004), que interpretou o herói de 1978 a 1987. Mas isso é passado.

“A alma do ‘escoteiro de azul’ permaneceu, mas agora ele vive em um mundo mais complexo”, resume Heitor Valadão, redator do site Cinema em cena. “O maior desafio do novo filme é reconectar o público jovem com o herói”, observa Irapuan Peixoto, professor de sociologia e editor do site HQRock. De acordo com ele, desde o fim da década de 1980, histórias em quadrinhos experimentam uma espécie de era obscura. “Heróis sombrios, violentos, dúbios e imperfeitos são os preferidos da audiência”, informa.

Heitor Valadão concorda que o herói bonzinho demais perde espaço diante dos conflitos psicológicos de colegas como Batman e Wolverine. “Mas as habilidades insuperáveis do Superman fazem dele a fantasia de qualquer criança e de muitos adultos também. Este é o grande truque de 'O homem de aço': Zack Snyder transformou a fantasia definitiva em algo com que o público pode dialogar melhor, derrubando a falsa imagem do mito intocável e irrepreensível”.

Dono de coleção com cerca de três mil revistinhas sobre o homem de aço, o advogado Paulo Lages aprovou a nova versão. “As pessoas levaram um certo susto porque é a primeira vez que Superman aparece em outro veículo de mídia com as transformações que já havia sofrido nos quadrinhos”, diz. Para ele, tanto o laboratório do ator Henry Cavill quanto informações obtidas pelos roteiristas se basearam na reforma iniciada por John Byrne em 1986, que culminou nos roteiros de Mark Waid em 1988.

“Superman é menos certinho, sofre bulling enquanto cresce e vai desenvolvendo os poderes gradualmente”, aponta Lages. É fato: o herói adota medidas menos ortodoxas para atingir seus alvos. “O longa tem a dimensão de filme catástrofe, mas sem muito drama como na década de 1970. As lutas são muito destrutivas também, porque ele não sabe evitar danos colaterais”, completa Lages.

Apesar dessas diferenças, Irapuan Peixoto defende que o objetivo do novo filme é mostrar o quanto o personagem consegue ser relevante, passados 75 anos de sua estreia na 'Action comics'. Na opinião do professor, um caminho possível é fazer com que o herói se espelhe cada vez menos na América e mais no mundo.

“De acordo com as modernas teorias de comunicação, consumidores de bens culturais reelaboram o conteúdo dos produtos e o manipulam de acordo com sua própria contextualidade e interesse. Fazem uma bricolage. Por isso, o meu Superman é mais uma representação mitológica do bem da humanidade do que um velho representante do trio ‘verdade, justiça e american way of life’”, diz Irapuan.

Para Heitor Valadão, os filmes recentes mostram que a receita está na combinação entre elementos psicológicos, uma boa história e muita ação. “Com um personagem tão poderoso quanto o Superman, é fácil concluir: seu maior inimigo é ele mesmo. Mas se o filme se concentrar demais nisso e deixar de oferecer boas doses de adrenalina, o público médio sairá decepcionado”, pondera.

Mesmo antes de estrear em boa parte do planeta, 'O homem de aço' já mostrou seu poder de fogo. De acordo com o site especializado Boxoffice Mojo, o longa é dono da terceira maior bilheteria do ano: arrecadou US$ 256 milhões em apenas quatro semanas.

 

Almanaque

   HQ
» Em 1932, o personagem foi criado por Joe Shuster e Jerry Siegel para ser vilão. Seis anos depois, virou herói e estrelou a primeira edição da revista 'Action comics'

   CINEMA
» Kirk Alyn interpretou o personagem em 'Superman' (1948) e 'Atom man vs. Superman' (1950), série de cinema
» 'Superman and the Mole-Men' (1951) marcou a estreia de Clark Kent em longas-metragens, interpretado por George Reeves. O ator chegou à TV no seriado 'As aventuras de Superman' (1951–1958). Foram 104 episódios televisivos até a morte do artista
» Christopher Reeve é “tetra”: estrelou 'Superman – O filme' (1978);' Superman II – A aventura continua' (1980); 'Superman III' (1983) e 'Superman IV: Em busca da paz' (1987)
» Brandon Routh foi o astro de 'Superman – O retorno' (2006)

   TV
» 'Superboy' (1988 – 1992)
» 'Lois & Clark: The new adventures of Superman' (1993 –1996)
» 'Smallville' (2001 – 2011)
 
   ANIMAÇÃO
» Em 1941 e 1942, Super-Homem ganhou 17 desenhos animados
» 'The new adventures of Superman' (1966 –1969)
» 'Superamigos' (1973 – 1984)
» 'Superman' (1987)
» 'Superman: The animated series' (1996)

   GAMES
» O lançamento de Super-Homem para Atari abriu caminho para 23 títulos nos últimos 35 anos. O mais recente é 'Injustice: gods among us' (2013)

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE CINEMA