Mostra que começa nesta sexta no Cine 104 apresenta documentários sobre Itamar Assumpção e Jardes Macalé

Filmes sobre os personagens da MPB serão exibidos na Mini Mostra Brasil Doc

por Carolina Braga 21/06/2013 06:00

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
Leo Lara/Universo/Divulgação
O cantor e compositor Jards Macalé e o cineasta Erick Rocha: em busca do processo de criação musical (foto: Leo Lara/Universo/Divulgação)
O ponto de partida foi o mesmo: personagens importantes da música brasileira. Mas os documentários que fazem parte da Mini Mostra Brasil Doc, em cartaz a partir de sexta-feira no Cine 104, são demonstrações de como o modo de fazer pode ser totalmente diferente. Se 'Jards', o retrato que o cineasta Eryck Rocha fez do processo de gravação de Jards Macalé, é extremamente sensorial, 'Daquele instante em diante' é uma abordagem mais tradicional de Rogério Velloso para o compositor paulista Itamar Assumpção.


“São filmes bem diferentes na estrutura. A conexão maior é por tratar de músicos e o papel que eles ocupam”, comenta Daniel Queiroz, curador do Cine 104. Segundo ele, a realização da mostra em Belo Horizonte é uma possibilidade de exibir filmes que não terão distribuição para o circuito comercial. “São filmes ótimos, de artistas geniais, e nosso objetivo foi dar a possibilidade de serem mais vistos”, explica.

Quinto documentário de Eryck Rocha, 'Jards' deu a ele o prêmio de melhor diretor do Festival de Cinema do Rio no ano passado. O filme é classificado como “poético-musical”, pois trata-se de um viés pouco usual. Embora tenha participações de Adriana Calcanhotto, Elton Medeiros, Luiz Melodia, Frejat, Thaís Gulin e Ava Rocha, não é composto propriamente de depoimentos.

Como é característica do cineasta, 'Jards' tem longos silêncios e imagens desfocadas. De certa forma, é um convite a entrar na intimidade do processo de criação do músico. Macalé é um homem de poucas palavras e muita introspecção. Eryck costuma apresentar a própria obra como uma viagem psicodélica. É isso mesmo. “Como é um filme bem sensorial, você sai dele sem conhecer o Jards. Você entra no universo da música dele e vai acompanhando os bastidores”, comenta Daniel.

Depois da sessão de hoje, Eryck Rocha conversa com a plateia sobre a realização do longa. Em março, ele foi convidado para o Festival New Directors/New Films, organizado pelo MoMA, em Nova York. A estreia do documentário em Minas Gerais foi durante a Mostra de Cinema de Tiradentes, em janeiro.

JORGE CARDOSO/CB/D.A PRESS
Itamar Assumpção tem sua vida lembrada desde aVanguarda Paulista (foto: JORGE CARDOSO/CB/D.A PRESS)
INTIMIDADE
'Já Daquele instante em diante' faz parte da coleção Iconoclássicos, do Itaú Cultural. O filme percorre a trajetória musical de Itamar Assumpção desde os anos da Vanguarda Paulista, na década de 1980, até sua morte, aos 53 anos. No caso do longa dirigido por Rogério Velloso, pessoas que conviveram com o artista foram convidadas a dar entrevistas.

Curiosamente, Jards Macalé é um dos participantes do filme, junto com Antônio Abujamra, Tadeu Jungle, Ná Ozzetti, Denise Assunção, Tetê Espíndola, Duofel e Nelson Ayres, entre outros. O documentário também reúne imagens raras, que mostram a presença antológica de Itamar tanto nos palcos como na intimidade, com amigos e familiares.

MINI MOSTRA BRASIL DOC – Jards Macalé + Itamar Assumpção
. Sexta-feira, domingo e dia 26, às 21h – 'Jards' (Brasil, 2013, 93min., de Eryck Rocha)
. Sábado, 25 e 27, às 21h – 'Daquele instante em diante' (Itamar Assumpção) (Brasil, 2011, 110min, de Rogério Velloso) Cine 104. Praça Ruy Barbosa, 104, Centro, (31) 3222-6457. Entrada franca

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE CINEMA