Carnafavela chega à sétima edição, proporcionando interação entre as comunidades e os bairros

Evento acontecerá na segunda e na terça-feira de Carnaval, com apresentações de artistas do Morro do Papagaio

por Fernanda Machado 27/02/2014 19:20

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
Divulgação Carnafavela
Bloco das piranhas - velha brincadeira sobe ao palco do Carnafavela (foto: Divulgação Carnafavela )
Folia e cidadania, assim podemos definir o Carnafavela, que chega a sua sétima edição neste ano. O evento acontece na segunda-feira, 3, e na terça-feira, 4, na Barragem Santa Lúcia. Nos dois dias, o som foca por conta das bandas: Achei Legal, Tamojuntoimisturado Grupo Ki Doçura, Banda Via Láctea, além da Bateria Show Bloco Vila Estrela. Os shows começam às 19h. Criado em 2007, o Carnafavela surgiu a partir das movimentações culturais que já existiam dentro do Morro do Papagaio, como blocos e grupos de samba. O compositor e cantor Fabinho do Terreiro classifica a festa da comunidade como um mix cultural: %u201CA festa acontece na divisa entre a periferia e a zona sul. A união das duas classes é a grande sacada do Carnafavela%u201D, afirma Fabinho. Cristiano Silva, o Cris do Morro, um dos idealizadores do evento ressalta a importância da folia: %u201CÉ uma oportunidade de o cara sair de casa, do seu prédio, do seu apartamento para conhecer a arte que se faz na favela. Eu acredito que o Carnafavela é um caldeirão de arte, o gueto se manifesta com sua máxima expressão %u2013 a irreverência. E o que mais me chama a atenção é a forma como a comunidade se mobiliza%u201D. Embora seja uma folia de carnaval, o evento acabou rendendo outros projetos culturais que acontecem durante todo o ano, como oficinas de balé, capoeira e teatro, proporcionando a interação entre moradores dos bairros e do aglomerado. Na festa deste ano, o Carnafavela sobe ao palco da Estação do Samba com a Banda Via Láctea, que apresentará música popular brasileira e com a bateria do Bloco Caricato Vila Estrela. Outro atrativo é o tempero caseiro do morro aplicado nos caldos, no tropeiro, na feijoada e no famoso churrasquinho, que podem ser consumidos pelo público. A expectativa organizadores que é 20 mil pessoas prestigiem os shows por dia. Cinco mil a mais do que no ano passado.

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE CARNAVAL