Teresinha Soares lança livro de crônicas em BH

'Acontecências: crônicas dos anos 60, 70 e 80' será lançado na quarta-feira, 30, na AML, com a presença da autora

por Pablo Pires Fernandes 10/08/2017 08:30
Arquivo EM - 23/6/71
30 dos textos selecionados para a antologia foram publicados no Estado de Minas. (foto: Arquivo EM - 23/6/71)

Teresinha Soares é uma figura especial. Artista de corpo e alma, produziu, entre 1965 e 1976, um conjunto de obras que causaram impacto no meio artístico e na sociedade belo-horizontina. Além disso, publicou crônicas em jornais, igualmente instigantes, provocativas e à frente de seu tempo. Uma seleção de 44 desses textos foi reunida em livro pelo curador Rodrigo Moura, no volume publicado pela Editora Cobogó. Acontecências: crônicas dos anos 60, 70 e 80 (R$ 39,90) tem lançamento na quarta-feira, 30, às 19h30,  na Academia Mineira de Letras (rua da Bahia, 1466, Lourdes), com a presença da autora.

A publicação celebra a artista mineira, cuja obra tem sido resgatada e valorizada no Brasil e no exterior. Uma grande retrospectiva de seu trabalho está atualmente em cartaz no Museu de Arte de São Paulo (Masp) sob o título de Quem tem medo de Teresinha Soares?. A antologia de crônicas publicadas é dividida em duas partes: a primeira sobre o cotidiano e seu trabalho de artista, e a segunda traz relatos de viagem.

Os textos foram publicados entre 1967 e 1983 em três jornais, sendo 30 deles no Estado de Minas, além de dois inéditos. De escrita livre e poética, as crônicas são um testemunho da visão de Teresinha sobre arte e como sua obra valorizam a mulher, seu corpo e seu sexo. Acontecências é mais um importante documento sobre a artista e atesta a plenitude com que ela se entregou à arte.

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE ARTES E LIVROS