Papa nomeia mulher para dirigir museus do Vaticano

Barbara Jatta será a primeira mulher a ocupar o respeitado cargo de diretora dos museus

por AFP - Agence France-Presse 20/12/2016 16:06
Reprodução/Twitter
Barbara irá suceder o historiador da arte e ex-ministro da Cultura, o italiano Antonio Paolucci (foto: Reprodução/Twitter)
O Papa Francisco escolheu para dirigir os Museus do Vaticano sua atual vice-diretora, Barbara Jatta, tornando-a, a partir de 1º de janeiro, a primeira mulher a ocupar este respeitado cargo, anunciou a Santa Sé nesta terça-feira (20).

Italiana de 54 anos, Barbara é licenciada em Letras, arquivista e historiadora da arte especializada em artes gráficas.

Ela ingressou em 1996 na Biblioteca apostólica vaticana, que contêm 1,6 milhão de obras, e foi nomeada em junho vice-diretora dos Museus do Vaticano.

Ela irá suceder o historiador da arte e ex-ministro da Cultura, o italiano Antonio Paolucci, 77 anos, que dirigia os Museus do Vaticano desde 2007.

Os Museus do Vaticano abrigam, principalmente no Palácio do Vaticano, uma das maiores coleções de arte do mundo com sete quilômetros de galerias, além da célebre Capela Sistina. Aproximadamente 4 milhões de visitantes passam pelo local a cada ano.

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE ARTES E LIVROS