Desenho perdido de Leonardo da Vinci é encontrado na França

Esboço do mártir São Sebastião está avaliado em 15 milhões de euros

por AFP 14/12/2016 16:21
Philippe Lopez/AFP
Esboço foi encontrado entre os papeis de uma família francesa. (foto: Philippe Lopez/AFP )
 
Um desenho perdido do mestre da Renascença Leonardo da Vinci foi encontrado entre os papéis de uma família francesa, informou na terça-feira a casa de leilões Tajan.

O esboço do mártir São Sebastião está avaliado em 15 milhões de euros (15,8 milhões de dólares), de acordo com a Tajan.

A obra foi considerada autêntica pelo especialista francês Patrick de Bayser e por Carmen C. Bambach, curadora do Museu Metropolitano de Arte de Nova York e especializada na obra de Da Vinci.

Até agora eram conhecidos dois esboços de São Sebastião de Leonardo da Vinci, um conservado no Museu Bonnat em Bayonne e o outro em Kunsthalle, em Hamburgo. De acordo com uma lista do próprio artista, seriam oito no total.

Patrick de Bayser disse à AFP que encontrou o desenho entre várias obras levadas por clientes para a casa de leilões Tajan para uma avaliação.

A princípio, ele pensou que era um desenho de um artista florentino do século XV, até que virou o papel.
 
Na parte posterior observou dois esboços científicos e duas anotações em ''escrita especular'' (que pode ser lida no espelho), uma técnica utilizada com frequência por Da Vinci.

Ele também reparou que as sombras do desenho de São Sebastião, que mostra o mártir cravado no tronco de uma árvore, foram pintadas da direita para esquerda.

''Isto significa que foi realizado por um artista canhoto'', como Da Vinci. ''Estava imediatamente convencido de que era um Leonardo'', disse. Carmen C. Bambach acredita que o esboço data do período entre 1478 e 1483.

O dono da obra de 19.3 x 13 cm pediu para permanecer no anonimato.


VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE ARTES E LIVROS