Mulher-Maravilha é bissexual, confirma roteirista dos quadrinhos

Greg Rucka classificou como 'lógica' a decisão de escrever a personagem como LGBT

por Correio Braziliense 30/09/2016 14:34

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.

DC Comics/Divulgação
Bissexualidade da heroína foi sugerida diversas vezes (foto: DC Comics/Divulgação)
O roteirista dos quadrinhos da Mulher-Maravilha, Greg Rucka, confirmou que ela é bissexual em entrevista ao site norte-americano Comicosity. Rucka disse que a decisão de escrever a heroína, também conhecida como Diana Prince, como tal era apenas "lógica", já que a ilha onde ela nasceu, Themyscira, é habitada apenas por mulheres.


"A ilha é para ser uma espécie de paraíso. Você deve poder viver bem e feliz. Você deve poder manter relacionamentos sexuais e românticos satisfatórios. E as únicas opções são mulheres", disse ele. Perguntado se a Mulher Maravilha já se apaixonou por alguma outra mulher, o escritor respondeu que "a meu ver, sim. A resposta é obviamente sim. Por inúmeras razões".

 

Em 75 anos de história, a heroína nunca manteve um relacionamento com outra mulher, apesar de a bissexualidade dela ter sido sugerida várias vezes. Não é a primeira vez que a DC Comics aborda temas pertinentes à comunidade LGBT. Em 2013, os quadrinhos apresentarem a primeira personagem trans, em um quadrinho da Batgirl. Já Selina Kyle, a Mulher-gato, também é assumidamente bissexual.



VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE ARTES E LIVROS