Esposa morre cinco dias após marido que inspirou 'A culpa é das estrelas'

O amor de Katie e Dalton emocionou pessoas pelo mundo assim como ocorreu na ficção

por Diário de Pernambuco 23/09/2016 13:19

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
Facebook/Reprodução
Katie e Dalton sofriam da mesma doença e se casaram quando tinham 20 anos. (foto: Facebook/Reprodução)
 
A culpa é das estrelas na vida real. Katie Prager, jovem que é comparada à personagem Hazel, do livro de John Green, morreu na última quinta-feira, 22, devido a complicações no transplante de pulmão e na doença que sofria há vários anos, a fibrose cística. Há apenas cinco dias, no último sábado, 17, seu marido Dalton Prager havia falecido de uma infecção generalizada. Ele foi quem inspirou Green a escrever o livro, servindo de base para o adolescente Gus.

 
O amor de Katie e Dalton emocionou pessoas pelo mundo assim como ocorreu na ficção. O casal sofria da mesma doença e se conheceu pela internet quando tinham 18 anos. O relacionamento seguiu adiante e os dois se casaram aos 20, mesmo contra as indicações dos médicos, que afirmavam que um paciente com fibrose cística não deveria entrar em contato com outro, pois os riscos de morrerem era alto.

Em entrevista à CNN, logo depois da morte de Dalton, Katie havia dito que os dois se divertiram muito e foram muito felizes, ''era como um conto de fadas'', afirmou. No facebook, a mãe de Katie, Debra Donovan, postou uma mensagem sobre a morte da filha: ''Mais cedo ela teve o desejo de estar em casa atendido. Estava em sua cama, perto da mãe, pai, irmão e seus cachorros, morrendo em paz, longe dos tubos do hospital''.

A culpa é das estrelas conta a história de Hazel e Gus dois adolescentes que sofrem de câncer e se apaixonam. O livro vendeu milhões de cópias por todo o mundo e ganhou uma adaptação para os cinema.


VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE ARTES E LIVROS