Artista plástica é proibida de criar santos inpirados em ícones pop

Trabalhos da brasiliense Ana Smile eram inspirados em David Bowie, Batman e Coringa e divulgados através de fanpages já deletadas

por Diário de Pernambuco 01/06/2016 10:33

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

RECOMENDAR PARA:

INFORMAÇÕES PESSOAIS:

CORREÇÃO:

Preencha todos os campos.
Facebook / Reprodução
Santos em versão Coringa e David Bowie (foto: Facebook / Reprodução )
A artista plástica brasiliense Ana Smile, de 32 anos, conhecida por produzir estátuas de santos baseados em ícones da cultura pop, está legalmente proibida de seguir com o trabalho. O Tribunal de Justiça de Goiás emitiu nota nesta terça-feira, 31. A decisão foi confirmada pela assessoria de comunicação do órgão.

O trabalho de Ana Smile vinha causando polêmica desde o início do ano. As estátuas de gesso retratam santos e santas com figurinos inspirados em Batman, Mulher-Maravilha, Galinha Pintadinha, entre outros.

A decisão judicial partiu de processo do religioso Dom Washington Cruz, da Arquidiocese de Goiânia. Ana está proibida de fabricar e vender suas obras, além de divulgar os trabalhos em redes sociais como Facebook e Instagram, sob pena de multa no valor de R$ 50 mil.

Na manhã desta quarta-feira, 1º, as redes sociais do Santa Blasfêmia, nome do projeto, já se encontravam fora do ar.

Polêmica com religiosos
Desde que abriu loja própria, no final de 2015, Ana vinha recebendo ameaças e represálias de grupos religiosos. Segundo a dona de casa Mônica Marqui Martins de Menezes, 50, a criação é um desrespeito à comunidade religiosa. “Para nós, católicos, as imagens são inspirações divinas. Não são apenas uma peça de gesso. É história, tradição, e representa uma lembrança de alguém que já viveu e foi muito importante. É como se tivessem pegado a foto de um filho meu e feito uma chacota. O que puder fazer para parar com isso, farei, porque não podemos ser omissos”, defende Mônica.
Facebook / Reprodução
(foto: Facebook / Reprodução)

VÍDEOS RECOMENDADOS

MAIS SOBRE ARTES E LIVROS